O que são sistemas hidráulicos?

Os sistemas hidráulicos têm variações quanto ao seu uso, mas todos eles partem de um mesmo princípio fundamental. Podemos dizer que esse tipo de sistema atua com base no uso de fluidos pressurizados. É justamente esse fluido pressurizado que é responsável por fazer as coisas funcionarem.

O fluido nos sistemas hidráulicos é responsável por produzir força e movimento. Seu uso facilita a realização de várias tarefas que, se fossem executadas por humanos, exigiriam muito tempo e uso de força física, como: erguer cargas muito pesadas e executar tarefas que demandem movimentos muitos repetitivos.

Como funcionam?

Sistemas hidráulicos partem de um princípio de funcionamento elementar, que tem como base o uso de pistões. Os freios de um carro, por exemplo, são um exemplo de sistema hidráulico à base de pistões.

Além dos pistões, outros tipos de componentes e equipamentos podem constituir um sistema hidráulico. Por exemplo:

  • Reservatórios: como os fluidos pressurizados são os responsáveis por produzir força e movimento, reservatórios que os contenham são essenciais em muitos sistemas. Esses fluidos geralmente são compostos oleosos;
  • Filtros: estes atuam capturando quaisquer impurezas, resíduos ou corpos estranhos que possam impedir o correto funcionamento do sistema no qual se encontram presentes;
  • Bombas: as bombas hidráulicas são responsáveis por converter a energia mecânica em energia hidráulica, utilizando o fluxo dos fluidos no sistema e seu poder de pressurização. Elas operam criando um vácuo interno, o que força a movimentação de líquidos presentes na sua estrutura. Seu modo de operação é um exemplo da Lei de Pascal, que fundamenta o princípio da hidráulica. De acordo com ela, “O aumento da pressão exercida em um líquido em equilíbrio é transmitido integralmente a todos os pontos do líquido bem como às paredes do recipiente em que ele está contido”;
  • Válvulas: um tipo comum de válvulas utilizadas nesses sistemas são as válvulas de escape.

Todos os componentes de um sistema hidráulico precisam atuar em harmonia, principalmente para evitar o surgimento de bolhas de ar ao longo do trajeto dos fluidos. A presença destas pode afetar o rendimento e a eficiência do sistema; por esse motivo, é importante retirá-las do sistema, quando ocorrem.

Várias aplicações

Podemos encontrar sistemas hidráulicos em diferentes instalações. Tanto indústrias como construções residenciais se beneficiam deles. Por exemplo, em prédios, condomínios e casas eles são responsáveis pela realização do abastecimento e distribuição de água pelos ambientes. Interessante, certo? Essa versatilidade desses sistemas se deve à sua dinamicidade, que está aliada a um método bem prático e “direto ao ponto” de funcionamento.

Credenciamento

Somos credenciados pelo corpo de bombeiros

Compromisso

Nós levamos a sério atender os padrões de qualidade exigido pelo corpo de bombeiros,  você pode consultar a qualquer momento o nosso certificado de credenciamento no site CBMDF sob o número 604. Para consultar o certificado em nosso site, basta clicar na imagem ao lado.

O certificado de Credenciamento emitido pelo corpo de bombeiros atesta a Izus para a atividade de elaborar projetos de incêndios, elétricos e hidráulicos conforme Norma Técnica 006/2000, Norma Técnica 19/1999 e Decreto 21361/2000-CBMDF e órgãos oficiais.

Perguntas frequentes

Quais acessórios são usados em um sistema hidráulico?

Os tipos de acessórios e a quantidade podem variar dependendo do projeto e do tamanho do estabelecimento/condomínio. Quando é desenhado um projeto, é pensando na forma mais econômica e eficaz de implementação.

Os acessórios mais comuns são: encanamentos diversos, pistão, caixa de armazenamento e etc.

Quanto custa um sistema contra incêndio?

O preço de um projeto e implementação de um sistema hidráulico pode variar muito, pois depende do número de equipamentos utilizados e do tamanho do estabelecimento.

Para os clientes de Brasília, disponibilizamos avaliação através de uma visita técnica gratuita. O agendamento pode ser feito clicando aqui.

Faça nosso teste e descubra se o seu estabelecimento/condomínio está em risco em menos de 2 minutos!